Carrapatos

Tipos de carrapatos que podemos encontrar em nossa região

    Rhipicephalus sanguineus, mais conhecido como carrapato vermelho do cão.
    Amblyomma cajennense ou popularmente conhecido como rodoleiro ou carrapato estrela, ataca humanos e animais. Sendo mais comum o ataque em cavalos.

Tratar o ambiente

         Os carrapatos se estabelecem dentro de muros, vegetação, frestas de pisos ou paredes. Então o ideal não é tratar apenas o animal, você tem que fazer uma higienização adequada do local onde seu pet costuma ficar. Verifique as frestas de pisos da sua casa, onde o cão costuma dormir, onde você leva ele para passear. Todos esses locais são propensos a ter uma infestação, e podem ser nesses locais que seu pet está se infectando com carrapatos.    

Muitos donos de cães fazem apenas o tratamento do animal, passando por meses com problemas com carrapatos, enquanto que a fonte do problema são esses locais infestados. Quando realizar o tratamento do ambiente, esteja ciente que esses produtos são tóxicos e que podem prejudicar você e seu bichinho. 
        A incidência de carrapatos em épocas quentes é maior. Redobre os cuidados nesses períodos. Consulte o veterinário antes de utilizar qualquer produto.

Quais são as doenças causadas pelo carrapato?

       Os carrapatos podem trazer uma série de doenças que comprometem a saúde de seu pet, tais como:

– Erliquiose é uma doença que ataca os glóbulos brancos do sangue do animal podendo causar até anemia. Os sintomas iniciais são a perda de apetite e indisposição, evoluindo para sintomas mais graves como inchaço ou inflamação das patas, febre, vômitos e cegueira.
– Babesiose Ataca os glóbulos vermelhos do sangue podendo causar anemia e problemas na coagulação sanguínea. Os sintomas podem ser febre, letargia, perda de apetite, depressão e ou palidez nas mucosas (comum em animais anêmicos).
       O carrapato estrela é o que mais se infecta com a bactéria Rickettsia rickettsii, responsável pelo desenvolvimento da febre maculosa.

WhatsApp chat